Arquivo da tag: Windows

Soma condicional no Excel?

A dúvida abaixo veio do Artur:

“Karlão preciso somar várias células com números, só que células do lado desta contém expressões tipo ‘PAGO’ ou ‘EM ABERTO’, quero que a fórmula só some valores aonde a condição seja ‘PAGO’, como faço?”

Artur, sua dúvida é bem interessante. Vou explicar duas formas de fazer isto no Excel (qualquer versão). O que você deseja fazer chama-se Soma Condicional, o próprio nome já explica, você quer somar determinados valores, desde que uma determinada condição seja confirmada, neste caso PAGO ou EM ABERTO. Vou usar uma tabela semelhante a sua como exemplo, segue abaixo:

Neste exemplo, queremos somar os valores da coluna B, desde que estes estejam pagos (condição da coluna C). Vamos ao que interessa. A fómula a ser usada chama-se SOMASE. Esta fórmula pede 3 informações: Intervalo, Condição e Intervalo da Soma. O intervalo é a coluna (ou linha) aonde a fórmula irá procurar pela condição, a Condição é justamente o que a fórmula vai procurar (e caso encontrar) irá executar a soma. Por último, o Intervalo da Soma é justamente a coluna com os valores que queremos somar.

No nosso exemplo temos: Intervalo (coluna C), Condição (“PAGO”) e Intervalo da Soma (Coluna B). A fórmula fica então assim: =SOMASE(C2:C7;”PAGO”;B2:B7). Importante notar que como o conteúdo da coluna C é texto, a palavra PAGO tem que ser colocada entre aspas na fórmula.

A outra forma de realizar a soma condicional é através de um suplemento (plugin) do Excel. Este plugin está incluso em todas as versões do Excel. Nos casos das versões mais antigas, o mesmo já vem ativado, basta ir no menu “Ferramentas” e em seguida na opção “Soma Condicional”. Já no Excel 2007, você precisa acessar o botão do Office no lado esquerdo superior da tela, clicar em “Opções do Excel”, ir até a seção de “Suplementos” e ativar o “Assistente de Soma Condicional”. Feito a ativação, a opção de soma condicional estará dentro da aba “Fórmulas”.

O assistente nada mais é do que uma interface gráfica para que você possa criar somas condicionais simples ou até mesmo complexas. Basta seguir o passo a passo e ler cuidadosamente as explicações na tela. Não tem segredo!

Congelar colunas e linhas no Excel?

A dúvida abaixo veio do Elvyo:

“Karlão, preciso congelar a primeira coluna de uma tabela no Excel, para que quando eu arrastar para o lado, a mesma permanecer estática, o que faço?”

Elvyo, o procedimento é muito simples e bastante útil para quando estamos trabalhando com tabelas grandes. Vou explicar como é feito tanto no Office 2003 quanto no 2007.

Office 2003
Selecione a linha inteira ou coluna inteira que deseja congelar, clique no menu Janela e em seguida “Congelar Painel”. Caso você não selecione nenhuma linha ou nenhuma coluna, a opção de congelar painel será feita automaticamente para a primeira linha e para a primeira coluna.

Office 2007
O procedimento é o mesmo, porém a versão mais atual do Office explica (e mostra) melhor o que está sendo feito. Acesse o menu “Exibição” e em seguida vá até a opção “Congelar Painéis”. Aqui você terá 3 novas opções: A primeira você congela as linhas/colunas/células que estão atualmente selecionadas na sua tabela. A segunda você congela somente a linha superior e a última opção você congela a primeira coluna. Simples e prático né?

Pen-drive bootável com Windows 7 ou Vista?

A dúvida abaixo veio do meu amigo César:

“Karlão, meu computador está com problemas no drive de CD/DVD e preciso instalar o Windows, como faço?”

Caro César, existem diversas soluções para este problema, a mais comum e mais prática seria a instalação do Windows através de um dispositivo USB de armazenamento (como um pen drive ou HD externo). O procedimento é bastante simples, porém existem dois detalhes. O primeiro é que o passo a passo que estarei listando abaixo só funciona em (e para) sistemas Windows Vista e Windows 7, justamente por isto o pen drive que iremos criar terá o Windows 7 bootável (para o Vista é o mesmo procedimento).

O segundo detalhe é que de qualquer forma você irá precisar dos arquivos de instalação do Windows (7 ou Vista) que estão no DVD do produto, por isso será necessário fazer o procedimento em um computador que esteja com o drive de CD/DVD funcionando! Vamos lá:

1) Conecte o pen-drive ou hd externo na porta USB (todos os dados serão apagados e será necessário um dispositivo com pelo menos 3 GB’s).

2) No Windows 7 (ou Vista) abra o Prompt de Comando como Administrador (botão direito no ícone e em seguida “Executar como Administrador”).

3) No prompt, execute o comando diskpart. Aguarde o carregamento e em seguida irá aparecer DISKPART>

4) Em seguida digite: list disk. O diskpart irá mostrar uma tabela com os discos atualmente conectados ao seu computador.

5) Identifique o pen-drive ou hd externo pelo número (Disco 0, Disco 1, Disco 2, etc) e pelo tamanho. Caso tenha alguma dúvida você pode rodar o comando novamente sem o pen-drive estar conectado.

6) Em seguida digite: select disk 1. Neste nosso exemplo, o pen-drive (ou hd externo) é o Disco 1. Tenha certeza de estar escolhendo o disco corretamente, ou você corre o risco de apagar todos os dados em uma outra unidade ou partição.

7) Rode os seguintes comandos, pressionando ENTER após cada linha:
clean
create partition primary
select partition 1
active
format fs=NTFS quick
assign
exit

8) Seu dispositivo externo está quase pronto para receber os arquivos de instalação do Windows 7 ou Vista.

9) Verifique no Windows Explorer, qual a letra da unidade de CD/DVD aonde está o disco de instalação do Windows e também confirme a letra que foi definida para seu pen-drive ou hd externo. Neste nosso exemplo, usaremos D:\ e F:\ respectivamente.

10) Na mesma tela do Prompt de Comando, acesse a pasta boot dentro do cd de instalação do Windows digitando: cd d:\boot

11) Para finalizar, iremos criar o setor de boot no pen-drive ou hd externo através do comando: bootsect /nt60 f:\

12) Pronto! Agora basta copiar, todo o conteúdo do DVD de instalação do Windows para o seu pen drive ou hd externo e iniciar seu computador com o dispositivo conectado a porta USB.

Um último detalhe: tenha certeza que a BIOS do seu computador tenha suporte para realizar boot por dispositivos USB (a maioria possui) e confirme que na sequência de boot, a “Unidade de armazenamento USB” esteja acima (prioritária) do disco rígido do seu computador.

Lixeira deletada no Vista?

A dúvida abaixo veio do grande amigo Claytin:“Karlão, apaguei o ícone da lixeira do meu desktop no Windows Vista, como faço para recuperá-lo?”

Claytin, o procedimento é muito simples. Clique com o botão direito na sua área de trabalho e acesse a opção “Personalizar”. Na nova janela, do lado esquerdo abaixo do menu “Tarefas” clique na opção “Alterar ícones da Área de Trabalho”. Pronto, na nova janela basta marcar o ícone da Lixeira que o mesmo irá aparecer novamente no Desktop.

É interessante mencionarmos que o Vista permite apagar o ícone da lixeira facilmente, já no Windows XP, o ícone da Lixeira não podia ser removido, somente através da edição do Registro ou em Políticas de Grupo avançadas.

Sem som na caixa?

Pessoal, tenho recebido muitas dúvidas com relação a problemas de som no computador, uma delas veio da Cássia:

“Minhas caixas de som não estão funcionando e no ícone do som ao lado do relógio do Windows está escrito ‘sem som’, o que devo fazer?”

Cássia, este é um problema muito simples de se resolver. Todas as versões do Windows permitem desabilitar o som temporariamente, ao invés de você ter o trabalho de desligar as caixinhas, ou algo assim. Para que você habilite e desabilite o som, basta clicar duas vezes sobre o ícone da caixinha de som ao lado do relógio, que uma nova tela se abrirá.

Nesta tela, do lado esquerdo, você tem o controle de volume e em baixo uma caixinha para marcar “Sem Áudio”. Se você marcar esta opção, o Windows ficará totalmente sem som, caso ela estiver desmarcada, o som funcionará normalmente. Porém, nem sempre o problema de som é somente isto. Sugiro a todos a leitura do meu post anterior sobre o assunto para identificar outros possíveis problemas de som no Windows.